Anuncie Aqui topo
teste
Entrevista

Candidato do PSL propõe implantar ferramenta digital no governo e questiona o PPA 2018/2021

“A ideia de implantarmos a Chapada dos Guimarães PARTICIPATIVA, que será o instrumento no qual a população será convidada a participar das decisões do governo municipal”, disse Paulinho Kero Mais

30/09/2020 10h11
Por: Everaldo Galdino
Fonte: Everaldo Galdino

Antônio Paulo da Silva (PSL), 50 anos, mais conhecido como “Paulinho Kero Mais” é empresário e 21 anos vive na cidade de Chapada. Natural da cidade de Campos Sales (CE), vem se preparando para a disputar o cargo de prefeito há 4 anos no município.  O candidato da coligação “Governo e Cidadão trabalhando juntos” é filiado no Partido Social Liberal (PSL) desde março de 2020, e tem ao seu lado como vice o empresário Sidnei Valanis, da mesma sigla.  Uma dos seus apoiadores à campanha eleitoral para a vaga da Prefeitura é o deputado estadual Elizeu Nascimento (DC). Na entrevista, Paulinho informou que na sua gestão, caso seja eleito, implantará uma ferramenta digital que ajude a população chapadense em participar no governo, sendo uma das novidades na Administração municipal. Outro, ele questionou o Plano Plurianual (PPA) de 2018 a 2021 à prefeita Thelma de Oliveira (PSDB).    Segue a entrevista. 

 Por que ser prefeito de Chapada dos Guimarães?

R: Inicialmente queremos parabenizar o trabalho que estão fazendo levando a informação nos quatro cantos do município, e aproveitamos para agradecer esta oportunidade, de poder dirigir nossos pensamentos e opiniões à população de Chapada dos Guimarães, acreditamos que tudo será repassado na integra, e finalizando, estaremos sempre a disposição para responder suas perguntas.   Por que ser prefeito? Muitos me perguntando, até gravei um vídeo, para facilitar minha vida, vou te passar o link, mas resumidamente, aqui cresci, aqui criei raízes, aqui conquistei (honestamente) meu sustento, e conforto para minha família, então nada mais do que justo, que eu possa retribuir, e as pessoas desta cidade, necessitam de um gestor correto e que entenda o povo.

Ver o vídeo 

Para o senhor, a história de vida pessoal e profissional de um candidato para um cargo público conta ponto na hora de escolher o que for melhor para a cidade?

R: Com certeza, me diga com quem você anda, que direi quem você é. Se você planta paz, irá colher paz, e se planta honestidade, irá colher honestidade. A história de vida de um homem é o retrato de seu caráter, quero ser representante de uma nova política, aquela sem interesse pessoal, aquela dedicada exclusivamente ao povo, e sem demagogia, o mundo mudou, o Brasil mudou, nosso município precisa mudar, eu, com meu vice, juntos com os servidores públicos, iremos sim, fazer a Chapada dos sonhos, e melhorar a vida de todos que moram aqui, e os que visitam também.

Como avalia a atual gestão da Prefeitura de Chapada?

R: A gestão da prefeita Thelma deixou muito a desejar. A começar por não resolver a questão da inadimplência dos convênios com o Estado de Mato Grosso, o que coloca Chapada dos Guimarães em uma situação muito difícil, pois não consegue obter recursos de transferências voluntárias. Esta situação, faz com que entidades aproveitem da situação para interferir nas ações do município, como é o exemplo da Casa de Guimarães, envolvida em escândalos de conhecimento público, e que desviaram milhões de reais de recursos. Em Chapada, esta entidade aproveitou-se de diversas oportunidades, nas quais não houve do município a menor condição de gestão. Basta citar, como o povo chapadense sabe, eventos de Carnaval e Natal passados. Para resolver isto, é preciso que o prefeito e seu vice não estejam de rabo preso com ninguém, e possam realmente gerir o dinheiro do povo, que já paga tantos impostos e tem tão pouco retorno.   Olhem isso! (Ele mostrou uma reportagem sobre desvio de recursos na Associação Casa Guimarães pelo Grupo de Atuação Especial Contra o Crime Organizado (Gaeco).  Ver aqui 

Quais os principais setores do município que precisar investir, caso seja eleito (a) a governar?  Pode citar?  Por quê?

R: Estamos propondo uma gestão participativa, a sistemática é diferente do que já aconteceu aqui, estamos separando medidas e ações para colocar a máquina pública nos trilhos, e por outro lado, queremos ouvir a população, bairro a bairro, comunidade por comunidade, e saber deles suas necessidades, organizar tudo por ordem de prioridade, isto faremos durante o ano 2021, estruturado em programas governamentais com declarações e compromissos orientadores do orçamento, cada programa possuirá objetivos, metas e iniciativas,  no nosso Plano de Governo, registrado no TSE, já tem esta agenda, estamos na campanha, mas já pensando em como será o governo, acredite que ações serão adotadas já no dia 16 de novembro, não temos tempo a perder, tenho um vice-prefeito que é ligado o tempo todo. Como estava dizendo, o objetivo do processo participativo é tornar as prioridades do planejamento mais próximas às necessidades da população. O planejamento das políticas públicas de nosso governo, terá como um de seus principais instrumentos o Plano Plurianual (PPA), com a função de aprimorar a ação governamental, juntamente com outras ferramentas importantes, como a Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) e a Lei Orçamentária Anual (LOA). Me fez lembrar, aproveito para perguntar a prefeita Thelma, cadê o PPA 2018-2021?

O senhor acompanha o andamento do plano diretor da cidade?  

R: Sim, de 2010, pode olhar o Plano de Governo que registramos no TSE, no momento do registro de nossa candidatura, escrevemos lá a necessidade de atualização, o plano diretor é o principal instrumento para orientar a política de desenvolvimento sustentável de um município e organizar seu território urbano e rural. E como eu disse anteriormente, Chapada dos Guimarães mudou, principalmente nos últimos 10 anos e a revisão do Plano Diretor, é necessária para adequar a legislação às dinâmicas atuais. E faremos de forma participativa, o objetivo do processo participativo é unir olhares diversos, as leituras técnicas feitas pelos especialistas e as leituras comunitárias feitas pela população para ordenar o território municipal. 

O que trará de novidade para a administração municipal, caso for eleito? 

R: Desde o início, estamos dizendo a todos, e nosso grupo político, comprou a ideia de implantarmos a Chapada dos Guimarães PARTICIPATIVA, que será o instrumento no qual a população será convidada a participar das decisões do governo municipal, sobre a melhor forma de se pensar o futuro em suas obras e serviços. Há, outra novidade interessante, será um sistema de WhatsApp, o cidadão irá se cadastrar e ficará por dentro de todas as obras, ações e serviços municipais, daremos transparência total, diariamente, e receberemos reclamações. 

Como avalia outros candidatos que estão inscritos a concorrer o cargo de prefeito?  

R: Existem candidatos que estão se colocando como os únicos capazes de mudar as coisas que se passam em Chapada dos Guimarães. Devemos nos perguntar se realmente são o que dizem ser, ou se são mais dos mesmos. Na verdade, eles já estão tendo que se explicar, Justiça e nos órgão de Controle, como o Tribunal de Contas da União, porque não fizeram o primeiro dever de um bom gestor: ser transparente e prestar contas do dinheiro público para o verdadeiro dono, que é o povo. Se pensarmos que a atual gestão não fez nada para regularizar os convênios, procurando cobrar de quem tem a responsabilidade por não prestar contas, então temos que pensar: Onde começou tudo isso? Exatamente com aquele gestor, que no passado não fez o mínimo, que é prestar contas de um dinheiro que recebeu para aplicar para o bem do povo chapadense. Eu pergunto: esse candidato que está dizendo que quer "curar" Chapada realmente está dizendo a verdade? Povo de Chapada: olhem o que o TCU diz: aquele que não fez sequer a menção de resolver prestação de contas de convênios, deixando o município entrar no cadastro de devedor merece sua confiança?

Podem ver no endereço,

Do TCE/MT:  https://servicos.tce.mt.gov.br/certidao Acesso a situação do CNPJ da prefeitura (código 1112713);

Do TCU: Acessa aqui 

Como estão os preparativos para campanha eleitoral e quais lideranças partidárias e personalidades públicas vão te apoiar?  

R: Fizemos um planejamento bem sério, e baseado em informações, trabalharemos fortemente as redes sociais, mas também estaremos visitando os bairros e comunidades, levando como principal proposta, a de querer ouvir, conhecer suas realidades, e chamar a nossa responsabilidade em resolver, pois é isso que propomos. Lideranças, os 3 partidos de nossa coligação, juntos, temos 4 deputados estaduais, que já estão nos apoiando, mas diferente de outros candidatos(as), em momento algum, iremos transferir responsabilidades, eu e meu vice é que temos a obrigação de resolver os problemas do município e leva-lo ao desenvolvimento. 

O que espera do povo chapadense?  

R: Espero que tenham um pouco mais de paciência, que o melhor estar por vir, daremos orgulho a todos, nosso plano de governo contempla todas as idades, iremos todos nós, governo e cidadão trabalhar juntos, construindo um futuro melhor. Aproveito para pedir novamente, por favor, não venda seu voto, seu voto é a principal arma para melhorar sua vida, não desperdice essa oportunidade. 

Qual a mensagem que queira deixar aos eleitores chapadenses?

R: Estamos conscientes da realidade do município, estamos preparadíssimos, e esclareço que a situação é para adultos. Venham todos se juntar a nós, antes, avalie nossos posicionamentos, nossas propostas, analise nossas vidas até este momento, se necessário, compare com outros candidatos, perceba aonde existe a verdade, não se deixe levar por falsas promessas, as velhas falsas promessas, renovação é necessário, acredito no futuro, juntos somos muito mais fortes.

1comentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários