teste
Anuncie Aqui topo
Campanha Consertamos MT (outubro)
ENTREVISTA

Murad Jr. propõe inovar gestão com a implantação de transporte coletivo em Chapada

“Não adianta ser bom e correto, mas ter que receber ordens dos seus superiores partidários que há anos destroem os sonhos e a esperança da população”, diz candidato do Patriota

02/10/2020 07h34Atualizado há 3 semanas
Por: Everaldo Galdino
Fonte: Everaldo Galdino

O advogado Oswaldo Murad Júnior (Patriota), 55 anos, candidato a prefeito por Chapada dos Guimarães, concedeu entrevista ao Notícias da Chapada na tarde desta quinta-feira (1).  Murad trabalhou como executivo em corporações nacionais e internacionais e possui vasta experiência administrativo. O candidato, que é da coligação “Patriota”, tem como seu vice-prefeita, a esportistas e pentacampeã montain bike Jane Jesus, do mesmo partido.  Na entrevista, ele contou que acredita que “é possível honestidade, transparência, respeito e principalmente interesse em sanar as demandas públicas com competência e dignidade. Uma das novidades que propõe ao município chapadense, caso seja eleito na eleição municipal, é implantar uma ou duas linhas de micro-ônibus para servir a população. Segue entrevista. 

Por que ser prefeito de Chapada dos Guimarães? 

R: Realmente a decisão de entrar na política não foi a mais fácil para mim, visto ter uma trajetória de vida de muito trabalho e luta, e a imagem de político em nosso pais é das piores. Mas o desejo de querer ajudar Chapada, e trabalhar para despertar todo o potencial inexplorado do Município, tanto no turismo como no agronegócio, e trazer resultados para que a população, já tão sofrida possa usufruir de mais qualidade vida, falou mais alto dentro de mim, e após encontrar em nossa candidata a vice-prefeita Jane Jesus, os mesmos ideais, resolvemos   aceitar o desafio.  A eleição de 2018 gerou na maioria dos brasileiros um despertar de Patriotismo, acompanhamos uma nova forma de fazer política e ficou provado que nós brasileiros ansiamos por trabalho honesto e transparência por parte de nossos governantes. O motivo de minha intenção foi justamente por acreditar que é possível honestidade, transparência, respeito e principalmente interesse em sanar as demandas públicas com competência e dignidade.

Para o senhor, a história de vida pessoal e profissional de um candidato para um cargo público conta ponto na hora de escolher o que for melhor para a cidade? 

R: Sem a menor dúvida, devemos principalmente em nossas escolhas políticas buscar candidatos que tenham uma trajetória de vida limpa, sem corrupção ou envolvimento com os grupos políticos que a anos sugam as finanças públicas em proveito próprio. Não adianta você ser uma pessoa correta, mas escolher um partido que esta compromissado com toda a sujeira e com os desvios que sacrificam tanto a população. Se eleito vai ter que rezar na cartilha das velhas raposas, que vão mantê-lo no cabresto curto. Não adianta ser bom e correto, mas ter que receber ordens dos seus superiores partidários que há anos destroem os sonhos e a esperança da população. E foi exatamente por isto que tomamos a decisão de fundar em Chapada o partido Patriota, que é ligado ao Governo Federal, é limpo e não tem histórico de corrupção, pois no fim vale aquela, citação bíblica ”Me diga com quem andas, e te direi quem és.”

Vale ainda ressaltar, que muitos dos candidatos nem mesmo em Chapada residem, tem a cidade com ocupação de fim de semana. Isto prejudica muito qualquer administração seria. Pois imagina se você tem uma família e a vida estabelecida em outro local, qual vai ser o grau de prioridade da Chapada? A preocupação mais importante será sua família e seu negócio, que não estando localizados em Chapada, irão competir no dia a dia com a administração da cidade, e a Chapada ficara em terceiro plano.

 

Como avalia a atual gestão da Prefeitura de Chapada? 

R: Chapada está esquecida, e sofre com o descaso da administração atual. Claro como sempre acontece próximo da eleição, começa uma correria para tentar mostrar uma atuação dinâmica, mas vivemos uma nova era e o povo não é mais bobo. Quem aqui reside, sabe o descaso e a falta de compromisso com a população. Transparência e uma palavra, proibida e que não faz parte da administração atual. São inúmeras as denúncias, e dissimulações, tentando vender gato por lebre, mas está ficando cada dia mais difícil enganar a população. Devemos, porém, lembrar que, existe um grupo de “amigos do rei”, que estão instalados na administração atual e vão lutar com tudo para não perderem seus benefícios, principalmente aqueles benefícios que não podem ser divulgados para o público. 

 

Quais os principais setores do município que precisar investir, caso seja eleito para governar?   

R: Planejamento, Saúde, Educação, Infraestrutura, Turismo, Meio ambiente e Esporte/Lazer  

 

Pode citar? 

R: Desenvolver, fomentar e ampliar a vocação ambiental de Chapada dos Guimarães. É preciso garantir ao cidadão chapadense uma contrapartida às ações de preservação, o que seria mais fácil com um programa contínuo em relação ao turismo que não se restrinja apenas aos finais de semana, mas que atraia o visitante com mais regularidade. Devemos principalmente em respeito a juventude Chapadense, implementar projetos e parcerias para cursos profissionalizantes, e treinamento para formação de profissionais nas áreas de hotelaria em geral, alimentação, guias de turismo, e do agronegócio. Fomentar o desenvolvimento de pequenos empresários da área, melhorara manutenção da infraestrutura urbana e turística na região, principalmente das estradas rurais.   A melhoria das estradas de acesso às comunidades rurais, é extremamente necessário. Os moradores do entorno, os agronegócios, como as diversas comunidades rurais, também precisam ser assistidos e contemplados com políticas públicas que garantam qualidade de vida. Hoje muitas destas comunidades ficam grande parte do ano inacessíveis, qual sei soladas devido as terríveis condições das estradas. Na cidade precisamos de projetos voltados à moradia, saneamento básico, creches e a implantação de escola sem tempo integral, além de incentivos ao esporte conectado com a educação. Implantar projetos de base com as escolas do município, como forma de garantir a nossa juventude uma educação de qualidade, para que possamos oferecer aos jovens, esperança e garantia de competitividade no mercado de trabalho. Lembrando ainda que mais investimentos na saúde básica, e apoio à comercialização de produtos oriundos da agricultura familiar, não podem ser deixados em segundo plano.

Por quê? 

R: Porque somos um Município, a apenas 60km da capital, e que é portador e uma linda história única, presenteado por Deus com uma rica fauna e flora, possuidor de uma beleza cênica realmente de tirar o folego, um Parque Nacional extremante próximo da Capital, e um potencial agropecuário enorme. Acredito que com força de vontade, interesse, união da população e principalmente honestidade é possível reverter a realidade atual, e fazer de Chapada, um polo nacional de desenvolvimento do Eco –Turismo e um importante município de produção rural.

O senhor acompanha o andamento do plano diretor da cidade? 

R: Não de perto, mas considero que precisamos repensar as normas e políticas nele promulgadas, pois já estamos em uma nova era, e precisamos trazer ao Município, novos conceitos para determinar quais são as melhores políticas, diretrizes e prioridades que devemos contemplar no Plano Diretor Participativo de Chapada, pois afetam o Plano Plurianual, às Diretrizes Orçamentarias, e os Orçamentos Anuais. 

O que trará de novidade para a administração municipal, caso for eleito? 

R: À nível administrativo, transparência com as contas públicas, equipes técnicas por setor, contratação por meritocracia, sistema de licitação e compras auditado pelo Ministério Público. Estabelecer uma parceria do Município com o Parque Nacional, de forma que o Parque possa melhor atender as necessidades do turismo, revertendo assim em benefício do Município. Também rapidamente implantaríamos uma ou duas linhas de micro-ônibus para servir, aqueles que não tem como se locomover dentro da cidade.

Como avalia sobre outros candidatos que estão inscritos a concorrer ao cargo de prefeito? É importante de se notar a quantidade de candidatos concorrendo nesta eleição, mas para não correr o risco de incorrer em erro prefiro não fazer comentários pessoais a respeito de nenhum. 

Como estão os preparativos para campanha eleitoral e quais lideranças partidárias e personalidades públicas vão tem apoiar? 

R: Nunca participei da política, mas sabemos que esta campanha será muito diferente de outras. A atual situação provocará um trabalho mais voltado para o mundo virtual e já estamos trabalhando neste sentido. Eu e minha vice prefeita Jane Jesus, fundamos um novo partido no município, justamente com a intenção de fugir da velha política de apadrinhamentos interesseiros. Estaremos juntos com a candidata ao senado, a Cel. Rúbia Fernanda, que também nunca se envolveu com política, mais foi a escolha do Presidente Jair Messias Bolsonaro para representá-lo no estado de Mato Grosso, em razão do seu histórico pessoal de luta e honra.

O que espera do povo chapadense?

R: Espero que a população chapadense vote com muito cuidado e permita a mim e a Jane Jesus, contribuir para o crescimento e para a melhoria das condições gerais de vida em Chapada.

Qual a mensagem que queira deixar aos eleitores chapadenses? 

R: Queridos habitantes de Chapada, sempre agradeço a acolhida que tive aqui, nos 20 anos em que sou um cidadão Chapadense, estou enraizado nesta cidade, meus planos passados, atuais e futuros sempre considerarão, residir e fazer daqui meu porto seguro. Espero que as dificuldades que todos enfrentamos durante este ano atípico, principalmente em razão da pandemia, tenha sensibilizados todos, mostrado que sim somos um pais que tem jeito, mas que a mudanças depende única e exclusivamente de nossos votos. Estou nesta empreitada para defender a dignidade de cada um de vocês, o atual momento talvez não permite que, eu olhe nos olhos de cada um para que vejam a verdade que eu carrego, porém, quero que saibam que em meu coração vibra o desejo de fazer o bem, e trazer de volta a nossa população o orgulho e glória de se sentir Chapadense.  É por amor a Chapada, é pela renovação e por respeito a todos vocês que coloco o meu nome à disposição. Chapada precisa de renovação, que só pode ser conseguida com o apoio de cada um, teremos sim, com muita ética e trabalho um futuro brilhante. Deixo aqui meu carinhoso abraço.

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários