teste
Anuncie Aqui topo
INFRAESTRUTURA

Metade dos recursos do Mais MT serão investidos em infraestrutura

Dos quase 25 mil quilômetros de estradas não pavimentadas, 2.400 quilômetros receberão asfalto novo

06/11/2020 08h08
Por: Luciana Bonfim
Fonte: Lorena Bruschi | Secom-MT

O Governo de Mato Grosso irá investir R$ 4,73 bilhões na infraestrutura, como parte do Mais MT, o maior programa de investimentos da história do Estado. Serão 2.400 quilômetros de asfalto novorestauração de 3 mil quilômetros de asfaltocinco mil pontesiluminação para as cidades, entre outros projetos. O valor representa 50% do total de recursos do programa, que soma R$ 9,5 bilhões.

Conforme o secretário de Estado de Infraestrutura e Logística (Sinfra), Marcelo Oliveira, a gestão já entregou 270 quilômetros de pavimentação, e cerca de mil quilômetros estão em execução pela Pasta em todo o Estado.

“Nas próximos semanas vamos publicar a contratação de mais 1200 quilômetros de projetos de pavimentação. Se tudo der certo, e as empresas executarem as obras, vamos vencer esse desafio e entregar rodovias melhores aos mato-grossenses”, afirma sobre o planejamento de investimentos em logística.

Dos quase 25 mil quilômetros de estradas não pavimentadas, 2.400 quilômetros receberão asfalto novo, o que representa a maior parcela dos recursos investidos em infraestrutura, R$ 1,9 bilhão em obras.

O impacto na logística será muito positivo, já que Mato Grosso possui apenas 8 mil quilômetros de estradas pavimentadas, dos quais 3 mil quilômetros serão restaurados, avalia o secretário. Serão aplicados R$ 920 milhões para a restauração da malha viária e R$ 140 milhões em conservação de rodovias não pavimentadas e pontes.

Serão construídas 5 mil pontes de pequeno, médio e grande porte, com o investimento de R$ 650 milhões. Do total, cerca de 2,5 mil são pontes de madeira localizadas em rodovias serão substituídas.

A sinalização de rodovias receberá R$ 40 milhõesR$ 140 milhões serão utilizados para pavimentação e conservação em área urbana; R$ 720 milhões para obras especiais nos municípios; R$ 150 milhões para o projeto Mato Grosso Iluminado; e R$ 56,4 milhões para a infraestrutura de aeroportos.

O secretário atribui como parte essencial do sucesso das obras de infraestrutura o trabalho realizado pelas equipes técnicas da Secretaria. “Sem planejamento e projeto não funciona. Como você vai pleitear recursos no Banco do Brasil na Caixa Econômica, no Banco Mundial se você não tem projeto, e você precisa de planejamento para executar esses projetos. Conseguimos montar uma equipe de primeira qualidade. Agradeço a todos os servidores pelo empenho”.

Mais MT é o maior programa de investimentos da história de Mato Grosso, que vai investir R$ 9,5 bilhões em quatro anos (2019-2022). O programa está dividido em 12 eixos estruturantes, que atendem as seguintes áreas: Segurança; Saúde; Educação; Social e Habitação; Desenvolvimento Econômico, Emprego e Renda; Infraestrutura; Turismo; Cultura, Esporte e Lazer; Simplifica MT; Eficiência Pública; Meio Ambiente; Agricultura Familiar e Regularização Fundiária.

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários
Chapada dos Guimarães - MT
Atualizado às 22h18
31°
Pancada de chuva Máxima: 38° - Mínima: 22°
32°

Sensação

8.2 km/h

Vento

43.8%

Umidade

Fonte: Climatempo
Anúncio
Rua Antiga
Blogs e colunas
Anúncio
Últimas notícias
Anúncio
Mais lidas
Anúncio
Anúncio