Selko Internet superbanner
Pelé supermercado
SOCORRO URGENTE

Prefeitura repassa cestas básicas a famílias carentes de Chapada

Sacolões foram entregues pela Secretaria de Assistência Social do Estado, a fim de minimizar danos causados pela pandemia

14/04/2021 11h41
Por: Priscila Mendes
Fonte: Redação com assessoria
Foto: Ascom CG
Foto: Ascom CG

A Secretaria Municipal de Assistência Social de Chapada dos Guimarães (SMAS) começou a distribuir 600 cestas básicas disponibilizadas pela Secretaria de Estado de Assistência Social e Cidadania de Mato Grosso (Setasc/MT) para atender às famílias em situação de extrema pobreza no município. Os sacolões estão inseridos em ações para reduzir o impacto causado pela pandemia do novo coronavírus.

“Temos muitas famílias que tiveram sua renda comprometida. Muitos até perderam o seu emprego. Ações como essa, liderada pela primeira-dama do Estado, são de fundamental importância, ajuda quem mais necessita neste momento. É assim que vamos passar por tudo isso. A solidariedade e o amor ao próximo vencerá”, comentou a primeira-dama de Chapada dos Guimarães, Hélia Mello.

De acordo com a SMAS, seguindo a orientação do Sistema Único de Assistência Social (SUAS), a seleção das famílias ocorreu por meio de filtragem dos inscritos no Cadastro Único das Políticas Sociais Brasileiras do Ministério da Cidadania (CadÚnico), vislumbrando as famílias acompanhadas pela equipe técnica do Centro de Referência da Assistência Social (CRAS) do município.

Serão contempladas famílias e/ou cidadãos, da cidade e do campo, em situação de pobreza (com renda per capita entre R$ 89,01 e R$ 178) e extrema pobreza (até R$ 89), desde que não estejam contemplados pelo Programa Bolsa Família. Os cidadãos que possuam renda familiar per capita (por membro da família) de 25% do salário mínimo também serão beneficiados. 

Ainda conforme a SMAS, famílias que já receberam doações de cestas básicas por meio de outras ações, como da Secretaria Municipal de Educação, serão contempladas em outras oportunidades.

Na zona rural, a  equipe técnica do município conta com o apoio da rede de agentes de saúde e de educação, formando um tripé para a proteção das famílias em vulnerabilidade social.

Já na zona urbana, o CRAS está fazendo contato telefônico e agendamento para a entrega das cestas, evitando aglomerações, respeitando decretos municipal e estadual de combate à covid-19.

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários