Farmácia
Pelé supermercado
ARTE INDÍGENA

Abertas as inscrições para oficina ‘As Bonecas de Barro do Povo Indígena Iny\Karajá’

Inscrições estão abertas; são 140 vagas e as turmas serão organizadas em grupos de 20 alunos

25/08/2021 16h26
Por: Luciana Bonfim
Fonte: Seduc-MT

A Secretaria de Estado de Educação (Seduc-MT) realiza, do dia 31 de agosto a 3 de setembro, a oficina “Ritxõkò/Ritxòò: As Bonecas de Barro do Povo Indígena Iny\Karajá”. As inscrições estão abertas e podem ser feitas pelo link https://forms.gle/hipdzH2HVvwwCRrg9.

São 140 vagas, sendo que as turmas serão organizadas em grupos de 20 alunos. Cada turma será atendida somente em um único período e os participantes terão a oportunidade de conhecer e construir a boneca de barro Ritxõkò e Ritxòò. 

A oficina, realizada pela Coordenadoria Escolar de Educação Indígena, da Superintendência de Diversidades da Seduc, conta com a parceria do Museu de História Natural de Mato Grosso.

A oficina pedagógica versa sobre a história e cultura indígena, patrimônio material/imaterial e educação ambiental através da Ritxõkò/Ritxòò. Ela é pensada com base na implementação da Lei nº 11.645/2008, que institui a obrigatoriedade do ensino de História e culturas indígenas nas escolas públicas e privadas, e dos Temas Contemporâneos Transversais: Meio Ambiente e Pluralidade Cultural.

A produção das Ritxõkò e Ritxòò será mediada por 4 indígenas da Aldeia Krerawã, localizada no município de Luciara. Uma professora indígena vai ensinar a prática e cultura do povo indígena, e o diretor da Escola Estadual Indígena Hadori, Célio Kawina Ijavari, vai falar sobre o conhecimento ancestral da cultural do povo no estado do Mato Grosso sobre a boneca de barro Ritxõkò e Ritxòò.   

Todas as atividades desenvolvidas têm foco educativo e serão realizadas em espaço aberto, garantindo as medidas de biossegurança em relação à Covid-19.  

 

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários