Farmácia
SUS/CHAPADA

Falta de alguns medicamentos será solucionada na próxima semana

A falta de remédios para ansiedade e depressão provocou reclamação de pacientes

10/10/2021 09h12
Por: Laura Matos Lucena
Fonte: Da redação

Diante da reclamação, na semana passada, de algumas pessoas quanto à falta de medicamentos na Farmácia do Município, no São Sebastião, a reportagem conversou com a secretária municipal de saúde de Chapada dos Guimarães, Rosa Blanco. Ela reconheceu que alguns medicamentos estão em falta há uns sete dias, mas garantiu que a solução do problema não passa da próxima semana.

“Quem toma remédio como Fluoxetina não pode parar”, afirmou uma paciente reclamando que ia ficar doente sem o remédio, pois está desempregada e não tem como adquirir o comprimido, cuja caixa para 30 dias, custa R$ 60,00 a mais barata. “Não coloca meu nome que vão pensar que sou louca”, disse a paciente, que voltou para casa sem a Losartana 50mg.

 Nesta sexta-feira, 08.10, enquanto se deslocava para a zona rural, Blanco falou com a reportagem, depois de manter contato com a Soraya, enfermeira responsável pela farmácia no dia. A informação repassada dá conta de que dentre os poucos medicamentos que faltam encontra-se a Losartana 50 mg, para pressão alta. O mesmo medicamento de 100mg está disponível na farmácia.

A Fluoxetina, segundo Blanco, é o único psicotrópico fornecido pelo Sistema único de Saúde (Sus) “Mas todos os demais psicotrópicos fornecidos pelo SUS estão no estoque da farmácia municipal. “Fluoxetina sai como água”, assinalou a secretária de saúde, sem detalhar a importância deste dado para medir a quantas anda a saúde mental dos chapadenses e demais moradores do município. Mas este é um assunto para uma outra reportagem.

“Os medicamentos em falta são os que estão com licitação em aberto”, explicou a secretária, esclarecendo que outra forma de adquirir medicamentos é por meio do consórcio intermunicipal criado com esse objetivo. “Mas na semana que vem, no máximo, acredito que tudo estará solucionado. Há 15 dias tínhamos todos os medicamentos fornecidos pelo SUS”, pontuou Rosa Blanco.

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários