teste
NOVA FORMAÇÃO

Câmara de Chapada aprova lei que ‘revitaliza’ o Conselho Municipal de Turismo

Comtur terá representações do Executivo, da CDL, dos ambientalistas, dos guias, dos bares e dos hotéis

23/02/2021 17h18
Por: Priscila Mendes
Fonte: Da Redação com assessoria
Foto por: Secom/MT
Foto por: Secom/MT

A Câmara Municipal de Chapada dos Guimarães aprovou, em sessão ordinária realizada nessa segunda-feira (22), o Projeto de Lei 06/2021, que altera a Lei 844/98 sobre a composição do Conselho Municipal de Turismo (Comtur).

Criado em 1998, o Comtur passou por diversas modificações no decorrer das gestões anteriores. Com a aprovação da lei, o Comtur passará a ser composto da seguinte maneira:

  • Três representantes escolhidos pelo prefeito;
  • Um representante escolhido entres os proprietários de hotéis, pousadas e similares;
  • Um membro da Associação dos Guias e Condutores de Ecoturismo (AGCE);
  • Um representante escolhido entre os proprietários de restaurantes, bares, lanchonetes e similares;
  • Um representante das agências de turismo; um proprietário de atrativos turísticos;
  • Um membro da Câmara de Dirigentes Lojistas de Chapada dos Guimarães (CDL/CG);
  • Três pessoas ligadas às entidades ambientais.

O projeto de lei de recomposição do Comtur foi aprovado por unanimidade e agradou membros do setor turístico que estavam presentes na sessão. O presidente da CDL, Carlos Hajime Katayama, disse que a aprovação da lei e a participação do comércio no Comtur é importante. “Agora vamos começar a trabalhar no turismo para a cidade de Chapada. A gente percebe que o turismo é mais voltado ao Parque Nacional do que a cidade. Isso significa que vamos trazer o turista para frequentar nossas pousadas, nossos bares, nosso comércio. Eu acredito que o Poder Público está começando a mostrar que está preocupado com o turismo e com o incentivo e desenvolvimento do nosso comércio”, disse.

 O presidente da Associação de Guias e Condutores de Ecoturismo (AGCE), Amorezio Campos Azevedo, também comemorou o resultado da votação. “Até então, nossa vaga no Conselho era ligada a uma entidade estadual e agora será local. A nossa participação era pequena e agora teremos possibilidade de discutir junto aos órgãos públicos e ao trade turístico a melhoria do nosso trabalho”.

Já o secretário de Turismo, Cultura e Meio Ambiente, Alexandre Barão, que também estava presente na sessão, destacou que essa foi uma importante vitória da classe. “Tanto a CDL quanto a AGCE têm condições de estar nessas cadeiras e o Comtur precisa dessas duas entidades. Isso garante democracia para todos. Desta forma, o Comtur estará representado por todos os segmentos e isso é excelente! A reativação e a nova configuração deste Conselho representa o compromisso da Prefeitura Municipal com todas as pessoas que vivem e sobrevivem do turismo chapadense”, finalizou.

Agora o projeto de lei aprovado seguirá para a sanção do prefeito municipal Osmar Froner.

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários