Sexta, 20 de Maio de 2022
65 99313-1286
Turismo TURISMO

Secretaria de Turismo de Cuiabá realiza palestra ao setor produtivo para debater a concessão do Parque Nacional de Chapada dos Guimarães

O evento será realizado no dia 18 de abril na unidade do Sesc Arsenal, às 17h

14/04/2022 11h19
Por: Luciana Bonfim Fonte: PREFEITURA DE CUIABÁ
Foto: Luiz Alves
Foto: Luiz Alves

A Prefeitura de Cuiabá, por meio da Secretaria de Turismo, realiza na próxima segunda-feira (18), uma palestra que debaterá os impactos da concessão do Parque Nacional da Chapada dos Guimarães, ao setor produtivo da Capital e demais cidades compõe a região do Vale do Rio Cuiabá. 

O evento será realizado no Sesc Arsenal, às 17h, com a participação de palestrantes do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Ministério do Meio Ambiente, Ministério do Turismo (MTur), Instituto Chico Mendes de Conservação de Biodiversidade (ICMBio) e Ministério do Meio Ambiente (MMA).  

No mesmo evento, ocorrerá também a  posse do secretário de Turismo de Cuiabá, Zito Adrien, para a presidente do Conselho Municipal de Turismo (COMTUR).  Na última terça-feira (12), o gestor da pasta se reuniu com alguns representantes do setor do turismo, bares, restaurantes, hoteleiros e eventos, para que haja uma mobilização das categorias para discutirem como será o trade do turismo após a concessão do Parque, tendo em vista os benefícios ao entorno do local. Conforme Zito, haverá uma explosão de geração de emprego, aumento na arrecadação de tributos e aumento de turistas na Capital e cidades vizinhas.

"Temos que estarmos preparados  para receber os turistas e por isso, quero discutir com todos os setores do trade sobre a vinda desta empresa que vai gerenciar o Parque da Chapada. A empresa que irá gerenciar o local está  trabalhando há um ano e meio lá, eles me  apresentaram toda a projeção de como vai ser, e eu  quero repassar para os setores possibiolitando que se preparem para essa mudança histórica no turismo. É um projeto que vai dar certo, que terá o aval da Controladoria Geral da União, que vai estar acompanhando os trâmites. São milhões que vão impactar diretamente aqui em Cuiabá, sem contar que  a nossa cidade tem um terço do Parque.  Então, a base, é a nossa Cuiabá, que precisará ser estruturada. E tudo isso já é para iniciar-se em janeiro do ano que vem. Na minha opinião isso muda o quadro do turismo aqui, só tínhamos a base que era o Pantanal, e também será o Parque Nacional.  Eles vão ser parceiros  de todos e por isso precisamos começarmos essa união", comentou o secretário em reunião com a presença do empresário, Fernando Quaresma, do Choppão,  presidente da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel), Lorena Bezerra, presidente da Associação Brasileira de Agencias de Viagens (ABAV),Omar Lins Canavarros Jr., Associação Brasileira da Indústria Hoteleiros de Mato Grosso (ABIH-MT),Gerson Honório da Silva, presidente do Sindicato dos Guias de Turismo de MT (Singtur-MT), Suzy Miranda e o representante da Associação da Região Turística Metropolitana Cuiabá Várzea Grande (ASTUR-MT), Jaime Okamura.

O Parque Nacional de Chapada dos Guimarães tem uma área de aproximadamente 33.000 hectares, localizada entre os municípios de Cuiabá (62%) e Chapada dos Guimarães (38%). Trata-se de uma unidade de conservação gerenciada pelo Instituto Chico Mendes de Conservação de Biodiversidade (ICMBio), sendo criada em 1989 por meio de decreto de nº 97.656.

O estudo de viabilidade econômica e técnica realizado pela empresa vencedora do certame, a Vallya,  foi baseada em cinco premissas básicas: Preservação, Conservação, Turismo ecológico, Interpretação ambiental e Recreação.  O estudo foi realizado durante quatro meses- 120 dias, por meio de escutas com todas as esferas de governo, Federal, Estadual e Municipal, sendo executada por uma equipe multidisciplinar do Instituto, entre pesquisadores, biólogos, economistas, dentre outros.O Estudo já foi entregue ao Ministério do Meio Ambiente. Agora, a empresa realizará uma consulta pública, via internet, presencial e reuniões bilaterais.

PALESTRANTES: 

ICMBio -  Coordenadora-Geral de Uso Público e Negócios  - Danielli Roig - (Tema- Introdução sobre o projeto de concessão) 

- Analista Ambiental do Instituto Chico Mendes  e Conservação Ambiental da Biodiversidade e chefe do Parque Nacional da  Chapada dos Guimarães, Cintia Maria Santos. 

MTur - Coordenadora de Aproveitamento de Ativos Culturais e substituta - Coordenadora -Geral de aproveitamento  Turístico de Ativos e Domínio - Sinara Leandra  (TEma- Turismo em unidades de conservação). 

BNDES - Gerente de Estrutura de Projetos na Área de Infraestrutura Social - Gustavo Calil de Carvalho Silva - (Tema - concessão do Parque Nacional de Chapada dos Guimarães). 

- Coordenadora  de Área de Privatizações e Estruturação de Projetos - Banco Nacional de Desenvolvimento Social - Jéssica Acocella. 

MMA - Gerente de Projetos do Departamento de concessões  - Secretaria de Área Protegidas  - do  Ministério do Meio Ambiente,  Viviane Maria Andrezjwski 

1 comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias